Pular para o conteúdo principal

Significado de Conservadorismo

O que significa Conservadorismo


Conservadorismo (também chamado de conservantismo) é uma postura política e social que busca promover a manutenção de valores, práticas e instituições tradicionais.

Em termos gerais, o conservadorismo valoriza a tradição, a hierarquia, a autoridade e os direitos de propriedade. No entanto, tendo em vista que o que é considerado tradicional varia de acordo com o lugar e a época, o conservadorismo não possui características universais fixas.

O conservadorismo tem como foco a estabilidade e continuidade, se opondo à políticas progressistas ou revolucionárias. Assim, um indivíduo conservador é alguém que defende a permanência do status quo ou o retorno dos valores de uma época passada.

Uma postura conservadora pode se apresentar em diversos ramos da sociedade, como na política, na religião, na economia, etc.

Conservadorismo político

O conservadorismo geralmente é relacionado com políticas de direita e defende a preservação da propriedade privada, da riqueza pessoal e do individualismo.

Na política, o conservadorismo não busca impedir que qualquer mudança social aconteça, mas apenas aquelas de caráter revolucionário, que tenham repercussões institucionais profundas e imediatas. Nesse sentido, o conservadorismo político entende que as mudanças precisam ocorrer a partir das instituições e nunca contra elas.

O conservadorismo político adota que a tradição, a família, a escola e a religião devem ser as bases através das quais as mudanças sociais devem ocorrer de forma natural e gradual.

Conservadorismo e liberalismo

Conservadorismo e liberalismo são conceitos variantes que se apresentam em três aspectos: clássico, social e econômico.

Em termos clássicos, o conservadorismo é a ideologia de direita marcada pela autoridade, ordem e tradição, como na aristocracia clássica. No aspecto social, o conservadorismo é a postura que enaltece a hierarquia. No campo econômico, o conservadorismo se divide em três vertentes:

  • conservadorismo econômico clássico: que favorece os interesses da elite em um Estado
  • conservadorismo econômico fiscal: voltado às políticas de austeridade econômica (controle de gastos com o objetivo de obter equilíbrio fiscal)
  • conservadorismo econômico social: que foca em políticas econômicas protecionistas

O liberalismo, no contexto clássico, é a ideologia de esquerda que favorece a liberdade, como na democracia clássica. Socialmente, o liberalismo favorece a igualdade. Na economia, o liberalismo possui duas formas:

  • liberalismo econômico clássico: baseado na total liberdade econômica
  • liberalismo econômico social: baseado na igualdade econômica

Exemplos de valores conservadores

Abaixo, alguns exemplos de valores classicamente e socialmente conservadores:

Valores conservadores clássicosValores socialmente conservadores

Planejamento econômico

Restrições de imigração

Hierarquia social baseada em classes

Resistência a programas sociais

Não separação entre religião e Estado

Hierarquização social em termos de gênero, raça e etnia

Protecionismo

Ênfase no nacionalismo

Não direito a um julgamento justo

Controle sobre o mercado

Liberdade de expressão limitada

Isolacionismo

Não priorização de direitos humanos

Resistência a políticas progressistas

Conservadorismo liberal

O conservadorismo liberal é uma ideologia econômica e social que combina elementos políticos conservadores e posturas liberais.

O conservadorismo liberal incorpora a visão clássica de intervenção mínima do Estado na economia, garantindo a todos os indivíduos a liberdade de participar no mercado e gerar riquezas. No entanto, segundo o conservadorismo liberal, os indivíduos não podem ser totalmente livres em outras esferas da vida, sendo necessário um Estado forte que assegure a ordem e, através de instituições sociais, desenvolva o sentimento de dever e responsabilidade da nação.

Em termos políticos, o conservadorismo liberal é tido como uma ideologia de centro-direita (ou direita moderada) que apoia as liberdades civis e posturas sociais conservadoras, sempre favorecendo a economia.

Origem do conservadorismo

O conservadorismo, enquanto postura de resistência a mudanças, teve origem durante as revoluções sociais, políticas e econômicas ocorridas na Europa durante os séculos XVII e XVIII.

A Revolução Inglesa de 1640 e a Revolução Francesa de 1789 foram as grandes responsáveis pelas mudanças no paradigma econômico mundial e a consequente transição para o mundo moderno. Foram esses movimentos progressistas que deram origem ao capitalismo, que transformou drasticamente o pensamento e os valores da época, primeiro na Europa e depois no resto do mundo.

Como consequência natural dessas revoluções, surgiu a divisão entre conservadorismo e progressismo, ou seja, aqueles que defendiam a manutenção da ordem e da política vigente e aqueles que apoiavam as mudanças através de movimentos revolucionários.

Enquanto ideologia política, a origem do conservadorismo é frequentemente atribuída aos filósofos políticos Richard Hooker, David Hume e, sobretudo, a Edmund Burke. Burke foi um dos principais críticos da Revolução Francesa afirmando que as mudanças da época destruiriam a sociedade e as instituições tradicionais. Mais tarde ele ficou conhecido como “pai do conservadorismo liberal”, tendo em vista que tinha ideais contrárias às do partido conservador britânico.

Conservadorismo no Brasil

No Brasil, o conservadorismo está intimamente relacionado aos partidos políticos de direita, embora pouquíssimos partidos se intitulem, oficialmente, conservadores.

A primeira forma de conservadorismo no Brasil ocorreu através do Partido Conservador, fundado por volta de 1836 com a proposta de proteger a integridade do país, e extinto com o estabelecimento da república de 1889.

Atualmente, o conservadorismo brasileiro defende o fortalecimento de instituições tradicionais como a família, a religião e a escola, bem como a valorização dos ideais de hierarquia e autoridade. Considerando que não existem partidos nomeadamente conservadores, o conservadorismo no Brasil é observável através de políticos como Jair Bolsonaro, Silas Malafia ou outros membros da bancada evangélica.

Veja também:

Fonte: Significados

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Significado de Salamaleico

O que significa Salamaleico
Salamaleico é uma expressão árabe utilizada pelos muçulmanos como uma saudação, e significa: “que a paz esteja sobre vós”.Originalmente, a grafia correta desta expressão é Salaam Aleikum ou As-Salamu Alaikum, sendo que “salamaleico” seria a versão aportuguesada desta saudação árabe.Quando alguém diz “salamaleico” para determinada pessoa, a resposta esperada deve ser: Alaikum As-Salaam ou Aleikum Essalam, que significa 'esteja a paz de Deus sobre vós também”.Ver também: o significado da expressão Namastê.A partir deste termo, surgiu a palavra salamaleque na língua portuguesa, que possui o significado literal de “a paz esteja contigo”, mas também utilizada para se referir a um cumprimento demasiado polido e sem naturalidade.Esta saudação é comum principalmente entre os muçulmanos que seguem a doutrina religiosa do islamismo.Saiba mais sobre o significado do Islamismo.Fonte: Significados

Significado de Mãos Atadas

Significado de Mãos Atadas
Mãos atadas é uma expressão popular usada para indicar que uma pessoa está sendo impedida de agir, de tomar alguma iniciativa, de tomar alguma medida para resolver ou solucionar algum problema.'Estar com as mãos atadas' é estar impossibilitada, por diversos motivos, de buscar uma solução para se livrar de algo que está lhe importunando, desgostando, perturbando e lhe causando algum incômodo.A expressão 'de mãos e pés atados' é  usada para dar maior ênfase ao seu significado, é para dizer que existe um impedimento bastante significativo para a solução de algum problema.A expressão 'mãos atadas' é também usada para dizer que um indivíduo é sovina, é avarento, que é uma pessoa que não gosta de gastar dinheiro, que economiza tudo que pode, e geralmente o que têm não gasta com bobagens.'Mão atadas' é o nome da música da cantora Zélia Duncan, lançada em 2005, no álbum  Pré, Pós tudo, Bossa Band.'De Mão Atadas' é o título do r…

Significado de Avohai

O que significa Avohai
Avohai é um neologismo criado pelo cantor e compositor brasileiro Zé Ramalho, e consiste na aglutinação das palavras “avô” e “pai”.De acordo com a história divulgada na biografia do artista – “Zé Ramalho: o poeta dos abismos” – esta palavra teria surgido durante uma experiência com drogas alucinógenas.O avô de Zé Ramalho teria desempenhado um importante papel paterno para o cantor, que perdeu o pai biológico enquanto ainda era criança.Na interpretação de Zé Ramalho, o “avôhai” é a sabedoria que consegue passar por gerações, seja de avô para pai, pai para filho, ou mesmo avô para filho.Letra da música Avôhai“Um velho cruza a soleira / De botas longas, de barbas longas / De ouro o brilho do seu colar / Na laje fria onde coarava / Sua camisa e seu alforje / De caçador / Oh meu velho e invisível / Avôhai / Oh meu velho e indivisível / Avôhai / Neblina turva e brilhante / Em meu cérebro, coágulos de sol / Amanita matutina / E que transparente cortina / Ao meu redor / …