Pular para o conteúdo principal

Normas da ABNT para Trabalhos Acadêmicos

Normas da ABNT para Trabalhos Acadêmicos


A Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT, entre outras atribuições, é responsável por padronizar a formatação de documentos técnicos, visando facilitar a sua compreensão e o acesso ao conhecimento científico.

Nesse sentido, a ABNT editou documentos oficiais denominados de “Normas Brasileiras - NBR” que formam um conjunto de regras que devem ser seguidas na elaboração de trabalhos acadêmicos, artigos científicos e afins. Confira aqui o conteúdo dessas normas.

Estrutura Geral

A estrutura geral de formatação de trabalhos acadêmicos estão previstas na NBR 14724/2005, que inicia com o seguinte esquema:

EstruturaElementos
Pré-textual
  • Capa
  • Lombada (opcional)
  • Folha de rosto
  • Errata (opcional)
  • Folha de aprovação
  • Dedicatória (opcional)
  • Agradecimentos (opcional)
  • Epígrafe (opcional)
  • Resumo na língua vernácula
  • Resumo em língua estrangeira
  • Lista de ilustrações (opcional)
  • Lista de tabelas (opcional)
  • Lista de abreviaturas e siglas (opcional)
  • Lista de símbolos (opcional)
  • Sumário
Textual
  • Introdução
  • Desenvolvimento
  • Conclusão
Pós-textual
  • Referências
  • Glossário (opcional)
  • Apêndices (opcional)
  • Anexos (opcional)
  • Índice (opcional)

O trabalho deverá conter, no mínimo, todos os elementos obrigatórios da tabela acima. Os opcionais ficam a critério do autor do trabalho ou da instituição de ensino.

Independente de quantos elementos entrem no trabalho, todos deverão ser colocados na mesma ordem demonstrada na tabela.

Veja exemplos de formatação para todos os elementos acima.

Regras Gerais

A norma prevê também as regras gerais de formatação dos trabalhos acadêmicos. Essas regras deverão ser aplicadas em todos os elementos do trabalho, salvo os que tiverem regras específicas em sentido contrário (que serão mencionadas abaixo).

Formato

Como regra geral, os trabalhos deverão ser apresentados em papel branco e de formato A4 (21cm x 29,7cm). O conteúdo deverá ser inserido somente no anverso (frente) das folhas, com exceção da folha de rosto, que conterá em seu verso a ficha catalográfica.

Fonte

A fonte utilizada no trabalho inteiro será de tamanho 12. No entanto, a norma prevê que os seguintes elementos deverão ser digitados em tamanho menor, não especificado:

  • citações de mais de três linhas
  • notas de rodapé
  • paginação
  • legendas de ilustrações e tabelas 

Espaçamento

O espaçamento do texto inteiro será de 1,5, com a exceção dos seguintes elementos, que deverão adotar espaçamento simples:

  • citações de mais de três linhas
  • notas de rodapé
  • paginação
  • legendas de ilustrações e tabelas
  • natureza, objetivo e nome da instituição (presentes na folha de rosto)
  • ficha catalográfica (presente no verso da folha de rosto)

Margens

O tamanho das margens será de:

  • 3 cm para as margens esquerda e superior
  • 2 cm para as margens direita e inferior

Paginação

Partindo da folha de rosto, todas as folhas deverão ser contadas, mas a numeração só começa na primeira folha da introdução do trabalho. Por isso, a quantidade de folhas nos elementos pré-textuais (ver tabela acima) definirá o número da primeira página numerada.

Citações

As regras de citações estão previstas na NBR 10520/2002. Segundo ela, as citações deverão conter as informações necessárias à identificação da fonte consultada e obedecerão as seguintes regras:

  • se a indicação do autor da fonte for feita fora de parênteses, a mesma será em letras maiúsculas e minúsculas [Ex: '...como disse Albert Einstein.']
  • se a indicação do autor da fonte for feita dentro de parênteses, a mesma será será em letras maiúsculas, somente. [Ex: 'A imaginação é mais importante do que o conhecimento.' (EINSTEIN)]
  • se a citação tiver mais de 3 linhas, ela deverá obedecer um recuo de 4cm da margem esquerda, ter espaçamento simples e o tamanho da fonte deverá ser menor do que o resto do texto
  • citações dentro de citações deverão ser feitas dentro de aspas simples [Ex: '...Einstein disse 'a imaginação é mais importante do que o conhecimento' antes de falar que...']

Veja alguns exemplos de citações.

Elementos Pré-Textuais

Capa

A capa será composta pelo:

  • nome da instituição de ensino (opcional)
  • nome do autor
  • título e subtítulo do trabalho
  • número de volumes (se houver mais de um)
  • local e ano da apresentação

Lombada

A lombada deverá conter:

  • título do trabalho
  • nome do autor
  • eventuais informações que caracterizem a obra (ex: Volume 02)

Todas essas informações deverão ser impressas no mesmo sentido da lombada.

Folha de Rosto

Na folha de rosto aparecerão os mesmos elementos da capa, com os seguintes acréscimos:

  • natureza e objetivo do trabalho
  • identificação dos examinadores
  • ficha catalográfica impressa no verso

Essas três últimas informações deverão adotar espaçamento simples.

Errata

A errata mostrará a referência do trabalho e a identificação do erro com a sua devida correção.

Folha de Aprovação

Na folha de aprovação constará:

  • nome do autor,
  • título, subtítulo, natureza e objetivo do trabalho
  • data da aprovação
  • nota (opcional)
  • assinatura dos avaliadores.

Dedicatória, Agradecimentos e Epígrafes

As dedicatórias, agradecimentos e epígrafes não possuem regras específicas.

Resumos

As regras relacionadas aos resumos estão na NBR 6028/2003. A norma prevê que o resumo deverá ser uma breve apresentação do trabalho (um único parágrafo), citando seus objetivos, métodos e conclusões. Logo abaixo deverão ser apontadas as palavras-chave, que são os termos centrais contidos no resumo, capazes de transmitir a ideia principal do trabalho.

O resumo em língua estrangeira será a tradução fiel do resumo em língua vernácula. De igual forma, as palavras-chave também serão traduzidas.

Lista de Ilustrações, Tabelas, Abreviaturas, Siglas ou Símbolos

As listas de ilustrações, tabelas, abreviaturas, siglas ou símbolos deverão listar seus itens na ordem em que eles aparecem no trabalho, identificando o número da página (no caso de ilustrações e tabelas) e o seu significado (quando se tratar de abreviaturas, siglas e símbolos).

Sumário

A NBR 6027/2003 dispõe as regras referentes ao sumário, que deverá mostrar em ordem os tópicos e subtópicos que serão abordados no trabalho, especificando o número da página de cada um. Essa paginação poderá ser:

  • pelo número da página em que o tópico começa a ser abordado (exemplo: 14)
  • pelo intervalo de páginas em que o tópico é abordado, separando os números por hífen (exemplo: 30-45)
  • pelos números das páginas em que se distribui a abordagem do tópico (exemplo: 27, 35, 64 ou 27-30, 35-38, 64-70)

O sumário é o último elemento pré-textual, e não apontará os elementos anteriores a ele.

Elementos Pós-Textuais

Referências

As referências estão reguladas pela NBR 6023/2002. Elas deverão conter todas as informações necessárias à identificação das fontes, tais como:

  • autor
  • título
  • edição 
  • local editora  
  • data de publicação

Obrigatoriamente as referências deverão constar em folha exclusiva localizada logo após a conclusão no trabalho, mas também poderão aparecer em notas de rodapé, no fim de capítulos ou antes de resumos e resenhas.

Confira as principais formatações de referências.

Glossário

O glossário deverá reunir os termos utilizados no trabalho, que necessitem de definição. A organização das palavras deverá ser em ordem alfabética.

Apêndices e Anexos

Os apêndices e anexos são documentos eventualmente juntados ao trabalho. A NBR 14724/2005 estipula somente que a apresentação dos apêndices e anexos deverá ser feita através de leitras maiúsculas, seguidas de travessão e a definição do conteúdo. (Ex: APÊNDICE A - Lista de Normas da ABNT)

Índice

A NBR 6034/2004 define o índice como uma 'relação de palavras ou frases, ordenadas segundo determinado critério, que localiza e remete para as informações contidas num texto.'

Ele deverá ser o último elemento do trabalho, e poderá ordenar os termos por ordem alfabética, sistemática, cronológica e numérica.

Fonte: Significados

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Significado de Salamaleico

O que significa Salamaleico
Salamaleico é uma expressão árabe utilizada pelos muçulmanos como uma saudação, e significa: “que a paz esteja sobre vós”.Originalmente, a grafia correta desta expressão é Salaam Aleikum ou As-Salamu Alaikum, sendo que “salamaleico” seria a versão aportuguesada desta saudação árabe.Quando alguém diz “salamaleico” para determinada pessoa, a resposta esperada deve ser: Alaikum As-Salaam ou Aleikum Essalam, que significa 'esteja a paz de Deus sobre vós também”.Ver também: o significado da expressão Namastê.A partir deste termo, surgiu a palavra salamaleque na língua portuguesa, que possui o significado literal de “a paz esteja contigo”, mas também utilizada para se referir a um cumprimento demasiado polido e sem naturalidade.Esta saudação é comum principalmente entre os muçulmanos que seguem a doutrina religiosa do islamismo.Saiba mais sobre o significado do Islamismo.Fonte: Significados

Significado dos Emojis e Emoticons 😀

Significado dos Emojis e Emoticons 😀
Os emojis e emoticons são representações gráficas usadas para transmitir uma ideia, emoção ou sentimento. Esses símbolos são muito populares em comunicações online, como nas redes sociais, SMS e aplicativos de comunicação instantânea, como o Whatsapp.Emojis mais populares no WhatsappO Whatsapp é um dos aplicativos de comunicação onde os emojis são mais utilizados. Em muitos casos, esses pictogramas podem substituir frases inteiras, transmitindo a mensagem do locutor com apenas um símbolo. O aplicativo do Whatsapp possui o seu próprio design de emojis, que estão disponíveis em todas as plataformas com exceção do iOS (que usa os emojis padrões da Apple).No entanto, muitas dessas imagens gráficas podem ser mal interpretadas. Para evitar enganos, reunimos o significado oficial dos emojis mais populares no Whatsapp.Sorridente (Grinning Face)Este emoji é representado por um rosto com uma grande boca sorridente, mostrando os dentes. Este símbolo costuma s…

Exemplos de Formatação pelas Regras e Normas da ABNT para trabalhos acadêmicos

Exemplos de Formatação pelas Regras e Normas da ABNT para trabalhos acadêmicos
A Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT, entre outras atribuições, é responsável por padronizar a formatação de documentos técnicos, visando facilitar a sua compreensão e o acesso ao conhecimento científico.Essa padronização acontece através das normas da ABNT que, juntas, abordam todos os aspectos de formatação de trabalhos acadêmicos.Veja a lista das principais regras de formatação.Assim, para ilustrar melhor o assunto, reunimos alguns exemplos de documentos corretamente editados conforme essas regras.Capa e Folha de Rosto Conforme o exemplo acima, a capa deverá conter: nome da instituição de ensino, nome do autor, título e subtítulo do trabalho, número do volume (se houver mais de um), local e ano da entrega.Além desses elementos, a folha de rosto deverá conter: a natureza do trabalho, seu objetivo e os nomes dos examinadores.Folha de Aprovação A folha de aprovação, embora incomum na maioria dos …

Significado de Zonas Pilosas

Significado de Zonas Pilosas
Zonas pilosas é uma região da raiz das plantas onde se situam os pêlos radiculares responsáveis pela absorção da água e sais minerais que farão parte da seiva bruta. Estão situadas geralmente, acima da zona de distensão, onde a raiz apresenta a maior taxa de crescimento.Nas plantas, todas as raízes possuem uma zona pilosa, caracterizada por possuir muitos pêlos finos, que têm como função absorver a água que a planta necessita para as suas atividades vitais sem as quais a planta não consegue viver. Esse processo de absorção da água do solo é uma das matérias primas para o processo de fotossíntese das plantas.A área radicular corresponde a 130 vezes a área da parte áerea da planta e é uma adaptação contra a grande perda de água na forma de vapor - transpiração vegeta. - que ocorre na parte aérea. Quando uma planta é arrancada do solo, perde grande quantidade desses pelos absorventes e de raízes pequenas. Com isso, sua capacidade de absorção, principalmente de…

Exemplos e modelos de procuração

Exemplos e modelos de procuração
A procuração é um documento através do qual uma pessoa (denominada outorgante) transfere poderes para outra (denominada outorgada) para a prática de algum ato jurídico. Essa transferência poderá ocorrer através de procurações particulares ou públicas.As procurações particulares são aquelas que podem ser redigidas e assinadas por qualquer pessoa, enquanto as públicas deverão ser elaboradas e registradas em Cartório de Notas. Por esse motivo, as procurações públicas possuem maior eficácia jurídica, sendo aceitas em qualquer órgão, além de possibilitar a emissão de certidões.Apesar de ser um documento formal, não existe previsão exata de como uma procuração deva ser redigida ou formatada. O Código Civil Brasileiro, em seu artigo 654, §1º exige somente que a procuração contenha:indicação do lugar onde foi passadaa identificação do outorgante e do outorgadoa data e o objetivo da outorgaa descrição e a extensão dos poderes conferidosNo entanto, considerando …

Significado de Data de emissão

O que significa Data de emissão
Data de emissão é o registro do dia, mês e ano que determinado documento foi emitido pelo seu respectivo órgão emissor, indicando a data em que começou a ser considerado válido.A data de emissão do RG (Registro Geral), também conhecido como Carteira de Identidade, por exemplo, indica a data que este documento foi expedido, ou seja, que passou a ter valor.Na Cédula de Identidade brasileira, a data de emissão também pode ser chamada de data de expedição. A sua localização fica no canto superior direito do verso do RG, assim como as demais informações básicas sobre o cidadão.Ver também: significado da Data de Expedição.Assim como a Carteira de Identidade, outros documentos essenciais do cidadão devem conter a data de emissão, como a Carteira de Trabalho, a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), Passaporte, Certidão de Nascimento e CPF (Cadastro de Pessoa Física), por exemplo. Saiba mais sobre o significado de órgão emissor.No CPF, a data de emissão também …

Significado de Pendão

O que significa Pendão
Pendão é o substantivo masculino que significa bandeira ou estandarte.A palavra pendão está diretamente associada com a identidade de um país ou organização, podendo ser uma insígnia. Da mesma forma, pendão pode ser também um emblema de um partido político ou de uma determinada causa.Auriverde pendão é uma expressão usada para designar a Bandeira Nacional Brasileira. Esta expressão teve origem no poema intitulado Navio Negreiro, da autoria de Castro Alves.Pendão real é o hino 46 que se encontra na Harpa Cristã, e indica que Deus deu aos seus soldados um pendão (estandarte, bandeira) que eles devem carregar corajosamente.Pendão no Hino da Proclamação da RepúblicaA palavra pendão também se encontra no Hino da Proclamação da República:Se é mister que de peitos valentes
Haja sangue em nosso pendão,
Este trecho remete para o sacrifício pela Pátria, indicando que se for indispensável, pessoas estão dispostas a lutar e a derramar o seu próprio sangue pela nação.Pendão da…

Significado de Emoji 😉

O que significa Emoji 😉
Emoji é de origem japonesa, composta pela junção dos elementose (imagem) emoji (letra), e é considerado um pictograma ou ideograma, ou seja, uma imagem que transmitem a ideia de uma palavra ou frase completa.Atualmente, os emojis são muito populares nas redes sociais (Facebook, principalmente) e em comunicações de troca de mensagens instantâneas, como o WhatsApp, por exemplo.A popularidade e influência dos emojis é tão importante nas comunicações contemporâneas que, em 2015, um desses emoticons foi escolhido com “The Word of the Year” (“A Palavra do Ano”, em português), pelo Oxford Dictionary, devido a sua “significância cultural”.Os primeiros emojis surgiram no Japão na década de 1990, criados por Shigetaka Kurita, um dos membros da NTT DoCoMo – principal empresa de telefonia móvel do Japão.Os emojis são muito úteis para transmitir mensagens de modo rápido, sem a necessidade de escrever textos explicativos.Como já diz o ditado popular: “uma imagem vale mais qu…

Significado de Lacraia

O que significa Lacraia
A lacraia é um animal peçonhento (que possui veneno). Faz parte do filo arthropoda, os animais que possuem o corpo sem articulações, e da família scolopendridae.Também é conhecida como centopeia e costuma viver em locais úmidos e escuros, como buracos, jardins, pedras, vasos ou lugares com depósito de lixo ou de entulho.Durante o dia são menos visíveis, sendo mais comum que saiam de seus esconderijos durante a noite. São muito ágeis na movimentação e no ataque às presas.O corpo das lacraias é formado por várias partes, chamadas de segmentos. Cada uma destas partes possui patas afiadas. As lacraias também têm mandíbulas, antenas e ferrões, que servem para dar o bote em suas presas.Lacraia da espécie scolopendra polymorpha. A lacraia é venenosa?Sim, a lacraia é venenosa, por esse motivo é classificada como um animal peçonhento. A picada da lacraia injeta na presa uma quantidade de veneno tóxico, que contém uma substância chamada histamina, que causa uma reação inf…

Significado do Homem vitruviano

Significado do Homem vitruviano
Homem Vitruviano é o nome de um desenho icônico feito por Leonardo da Vinci (1452 - 1519), e representa o ideal clássico do equilíbrio, da beleza, da harmonia e da perfeição das proporções do corpo humano.Também conhecido como 'O Homem de Vitrúvio', esta ilustração foi criada por inspiração a partir do conceito desenvolvido pelo arquiteto romano Marcos Vitrúvio Polião, autor dos Dez Livros sobre a Arquitetura (De Architectura Libri Decem, em latim).O desenho mostra a figura de um homem nu, com os braços e as pernas abertas e em diferentes posições, de modo simétrico. O Homem de Vitrúvio também mostra o conceito da chamada 'proporção divina', sendo que era baseado em figuras geométricas perfeitas e equações matemáticas. Acompanhado da ilustração de Da Vinci, segue um texto que, em conjunto com o desenho, é considerado o Cânone das Proporções. Além de Leonardo da Vinci, outros artistas também fizeram versões sobre o conceito do Homem descri…