Pular para o conteúdo principal

Características do Comunismo

Características do Comunismo


O comunismo consiste em uma doutrina política e econômica cuja ideologia defendia o “estado natural”, ou seja, defendia uma sociedade igualitária que extinguiria a propriedade privada para que todos tivessem os mesmos direitos.

Desde a antiguidade, mais especificamente desde a Pré-história, os princípios comunistas já eram colocados em prática.

Durante este período, o então chamado comunismo primitivo visava suprir as necessidades de todo o grupo, sem a preocupação com o acúmulo de bens.

Tudo pertencia a todos e a preocupação em manter toda a sociedade com condições de viver de forma digna era mais importante do que o interesse pelos bens materiais.

bandeira comunismo

Na bandeira do comunismo, o vermelho representa o sangue do martírio sofrido pelos operários, a foice representa a classe operária agrícola e o martelo, a classe operária industrial. A estrela de cinco pontas representa tanto os cinco continentes quanto os cinco grupos da sociedade comunista: camponeses, operários, exército, intelectuais e juventude.

Confira um resumo das principais características do comunismo:

1. O regime comunista era contra a propriedade privada

Uma das ideias principais do regime comunista estava diretamente ligada aos meios de produção: as fábricas, minas, etc. deveriam estar disponíveis ao público para que os produtos fossem de propriedade comum de todos os cidadãos.

De acordo com a filosofia comunista, se todos passassem a ter acesso aos bens produzidos, as desigualdades seriam eliminadas e isso faria com que a oposição e a rivalidade entre classes e grupos sociais desaparecessem.

O regime comunista promovia uma sociedade sem classes sociais e era a favor da propriedade comum dos meios de produção.

2. O comunismo não apoiava a existência de diferentes classes sociais

O comunismo considerava que a sociedade não deveria ser dividida em classes sociais.

A teoria comunista defendia que todos deveriam trabalhar e compartilhar tudo o que fosse conseguido com o próprio esforço, para que o convívio entre os cidadãos fosse igualitário.

O resultado do que fosse produzido deveria ser dividido entre todos os membros da sociedade. Todas as pessoas deveriam ter os mesmos direitos.

O objetivo principal do comunismo era alcançar a igualdade de direitos.

3. A doutrina comunista visava o fim do capitalismo

Os comunistas acreditavam que o capitalismo fomentava a desigualdade e a injustiça social pois a mão de obra era utilizada como se fosse algo comercializável.

Enquanto o sistema capitalista se desenvolvia, grande parte da população vivia em situação de extrema pobreza e miséria.

A burguesia detinha os meios de produção e consequentemente a maior parte da riqueza gerada.

Assim sendo, restava ao proletariado apenas a própria mão de obra, que era vendida como mercadoria aos que tinham posse de capital.

Nas fábricas, os trabalhadores eram mal-remunerados e muitas vezes tratados como servos.

O comunismo defendia que o capitalismo fosse superado através de uma revolução que desse o poder aos trabalhadores para que, dessa forma, o conflito entre os cidadãos chegasse ao fim.

Saiba mais sobre o significado de burguesia e proletariado.

4.  O comunismo estava subordinado ao socialismo

De acordo com a teoria de Karl Marx, o comunismo era visto como a etapa final de um processo evolutivo da sociedade.

A filosofia de sociedade igualitária tinha o comunismo como desfecho de uma sequência evolutiva pela qual a história da humanidade deveria passar.

A primeira fase desta sequência contemplava o sistema capitalista, que buscava o aumento cada vez maior da produtividade tendo sempre em conta fatores como a concorrência.

O capitalismo tinha como objetivo o lucro e o acúmulo de riquezas através das propriedades privadas, ou seja, o lucro das produções ficava centralizado nas mãos dos donos das empresas.

Em um segundo momento, a sociedade deveria implementar o socialismo, abrindo assim mão da lógica de propriedade privada e consequentemente da divisão da sociedade em classes sociais.

Diferentemente do capitalismo, o socialismo defendia a distribuição equilibrada de riquezas e propriedades, diminuindo a distância entre ricos e pobres.

Saiba mais sobre propriedade privada.

Segundo os princípios socialistas, os bens produzidos seriam repartidos a cada um consoante o seu próprio trabalho e esforço.

Somente após o fim da propriedade privada e da implementação do socialismo, o poder seria entregue ao povo, acabando assim com os abusos impostos pelo capitalismo e emancipando a sociedade:

capitalismo - socialismo - comunismo

Por fim, com o sistema socialista já implementado, o regime comunista seria aplicado, passando então a distribuir os bens de forma igualitária.

Com esse sistema de distribuição, a existência de um Estado com governo controlador deixaria de ser necessária.

Enquanto o socialismo era considerado por Karl Marx como uma fase transitória e defendia um afastamento gradual do capitalismo, o comunismo era a favor de um afastamento através de um conflito armado como forma de atuação.

Veja mais sobre comunismo e socialismo.

5. Os bens produzidos seriam distribuídos consoante a necessidade de cada um

O regime comunista era apologista da distribuição dos bens a cada indivíduo consoante a sua respectiva necessidade, ou seja, cada um receberia aquilo que precisava, independentemente da quantidade que havia produzido.

A teoria comunista de Karl Marx, seguia o seguinte princípio: “De cada qual segundo sua capacidade; a cada qual segundo suas necessidades”. A mensagem a ser passada com essa frase é a seguinte:

De cada qual segundo sua capacidade: cada pessoa trabalharia com a atividade que amasse, pois entendia-se que dessa forma desempenharia muito bem sua função.

Com a felicidade de poder usar as próprias habilidades para ajudar a comunidade, as pessoas ajudariam a economia a prosperar.

A cada qual segundo suas necessidades: a comunidade ficaria encarregada de cuidar daqueles que não estivessem aptos a trabalhar. Os bens e serviços seriam distribuídos a todos conforme a necessidade de cada um.

Segundo o comunismo, o povo deveria ter o poder e com isso ser proprietário da própria mão de obra e dos bens por ela produzidos.

Sendo assim, a distribuição desses bens seria feita a partir de uma autogestão, abolindo então a necessidade de um governo.

Saiba mais sobre Marxismo.

6. O comunismo era a favor da não existência de um governo

Diferentemente do capitalismo e do socialismo, que eram a favor da existência de um Estado responsável pelo controle da vida social, o comunismo defendia a igualdade absoluta entre os cidadãos e considerava que o Estado poderia ser abolido.

Os comunistas acreditavam que dessa forma a opressão social seria extinta e que, assim, a sociedade conseguiria encontrar uma maneira de se autogerir.

Os trabalhadores passariam então a ser proprietários do próprio trabalho e dos bens utilizados para produção.

Saiba mais sobre o capitalismocomunismo e socialismo.

Principais nomes do comunismo

Agora que você já sabe as principais características do comunismo, veja quais foram os nomes mais importantes dessa doutrina política:

Karl Marx

marx

Karl Marx (1818 - 1883)

Karl Heinrich Marx foi um filósofo, economista, sociólogo, historiador e jornalista alemão. Marx escreveu uma série de publicações e dentre elas, duas tiveram grande destaque:

  • O Manifesto Comunista: criado para orientar a ação dos trabalhadores durante o surgimento dos movimentos operários. A obra, escrita em parceria com Friedrich Engels, definia e dava a conhecer os propósitos da Liga dos comunistas e clamava pela união de todos os trabalhadores do mundo.

Saiba mais sobre o Manifesto Comunista.

  • O Capital: conjunto de livros que consistiu na análise crítica do capitalismo, sistema econômico cujos princípios eram totalmente opostos aos do comunismo.

Apenas o primeiro livro da obra foi publicado por Karl Marx ainda em vida. Os demais foram publicações póstumas.

O capitalismo defendia, por exemplo, a existência da propriedade privada e o controle dos bens de produção por parte de proprietários privados e do Estado. Na obra, Karl Marx chamou a atenção para o fato de a força motivadora do capitalismo ser a exploração laboral.

Para ele, o fim da divisão da sociedade em diferentes classes sociais, um dos principais ideais do comunismo, só aconteceria quando o capitalismo fosse extinto.

Friedrich Engels

Friederich Engels

Friedrich Engels (1820 - 1895)

Friedrich Engels foi um cientista social, filósofo, autor e teórico político alemão. Juntamente com Karl Marx, foi co-autor do Manifesto Comunista.

Engels também teve uma importância fundamental na elaboração da obra O Capital, pois foi quem deu apoio financeiro a Karl Marx para que ele pudesse realizar pesquisas e escrever os livros.

Posteriormente, também foi responsável pela publicação póstuma de alguns dos livros da obra através de notas deixadas por Karl Marx.

Outros líderes e ativistas comunistas famosos

A lista de comunistas conhecidos também inclui:

  • Vladimir Lenin;
  • Fidel Castro;
  • Raul Castro;
  • Leon Trotsky;
  • Pol Pot;
  • Nikita Khrushchev;
  • Kim Il-Sung;
  • Imre Nagy;
  • Jiang Zemin;
  • Ho Chi-Minh;
  • Joseph Stalin.

Eventos importantes do comunismo

Confira alguns dos principais fatos relacionados ao comunismo:

  • Vladimir Lenin assume o poder em 1917: foi o primeiro líder comunista a assumir o poder, após a Revolução Russa de 1917;

Lenin

Vladimir Lenin (1870 - 1924)

  • A China se tornou um país comunista em 1949;

Bandeira da China

A bandeira da China é inspirada na bandeira do comunismo: o vermelho simboliza a revolução e o PCC (Partido Comunista da China) que assumiu o poder após a guerra civil de 1949; a estrela grande simboliza o PCC e as menores, o povo chinês. A posição das estrelas representa a união entre o partido e o povo.

  • Cuba se tornou comunista em 1959;
  • O Vietnã passou a ser comunista em 1975;

Bandeira do Vietnã

O fundo vermelho da bandeira do Vietnã foi inspirado na bandeira comunista. A bandeira do Vietnã foi utilizada por uma organização fundada em 1941 e liderada por comunistas para fazer oposição à ocupação japonesa.

  • Em 1945, iniciou a Guerra fria: o conflito começou quando os Estados Unidos e os aliados da OTAN, e a União Soviética e seus aliados do Pacto de Varsóvia se envolveram em um grande conflito indireto que deu origem a várias crises, como a Crise dos Mísseis de Cuba, em 1962. Esse conflito foi visto como uma luta por parte dos aliados ocidentais contra o comunismo.
  • A construção do muro de Berlim em 1961 foi vista como um grande símbolo da Guerra fria pois na Alemanha Ocidental estavam democracias liberais capitalistas e na Alemanha Oriental, vários estados comunistas. A queda do muro em 1989 anunciava o fim iminente do conflito, que veio a terminar em 1991. 

Muro de Berlim

Muro de Berlim: construído em 1961 e demolido em 1989.

Saiba mais sobre a Guerra fria.

Fonte: Significados

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Significado de Salamaleico

O que significa Salamaleico
Salamaleico é uma expressão árabe utilizada pelos muçulmanos como uma saudação, e significa: “que a paz esteja sobre vós”.Originalmente, a grafia correta desta expressão é Salaam Aleikum ou As-Salamu Alaikum, sendo que “salamaleico” seria a versão aportuguesada desta saudação árabe.Quando alguém diz “salamaleico” para determinada pessoa, a resposta esperada deve ser: Alaikum As-Salaam ou Aleikum Essalam, que significa 'esteja a paz de Deus sobre vós também”.Ver também: o significado da expressão Namastê.A partir deste termo, surgiu a palavra salamaleque na língua portuguesa, que possui o significado literal de “a paz esteja contigo”, mas também utilizada para se referir a um cumprimento demasiado polido e sem naturalidade.Esta saudação é comum principalmente entre os muçulmanos que seguem a doutrina religiosa do islamismo.Saiba mais sobre o significado do Islamismo.Fonte: Significados

Significado de Mãos Atadas

Significado de Mãos Atadas
Mãos atadas é uma expressão popular usada para indicar que uma pessoa está sendo impedida de agir, de tomar alguma iniciativa, de tomar alguma medida para resolver ou solucionar algum problema.'Estar com as mãos atadas' é estar impossibilitada, por diversos motivos, de buscar uma solução para se livrar de algo que está lhe importunando, desgostando, perturbando e lhe causando algum incômodo.A expressão 'de mãos e pés atados' é  usada para dar maior ênfase ao seu significado, é para dizer que existe um impedimento bastante significativo para a solução de algum problema.A expressão 'mãos atadas' é também usada para dizer que um indivíduo é sovina, é avarento, que é uma pessoa que não gosta de gastar dinheiro, que economiza tudo que pode, e geralmente o que têm não gasta com bobagens.'Mão atadas' é o nome da música da cantora Zélia Duncan, lançada em 2005, no álbum  Pré, Pós tudo, Bossa Band.'De Mão Atadas' é o título do r…

Significado de Avohai

O que significa Avohai
Avohai é um neologismo criado pelo cantor e compositor brasileiro Zé Ramalho, e consiste na aglutinação das palavras “avô” e “pai”.De acordo com a história divulgada na biografia do artista – “Zé Ramalho: o poeta dos abismos” – esta palavra teria surgido durante uma experiência com drogas alucinógenas.O avô de Zé Ramalho teria desempenhado um importante papel paterno para o cantor, que perdeu o pai biológico enquanto ainda era criança.Na interpretação de Zé Ramalho, o “avôhai” é a sabedoria que consegue passar por gerações, seja de avô para pai, pai para filho, ou mesmo avô para filho.Letra da música Avôhai“Um velho cruza a soleira / De botas longas, de barbas longas / De ouro o brilho do seu colar / Na laje fria onde coarava / Sua camisa e seu alforje / De caçador / Oh meu velho e invisível / Avôhai / Oh meu velho e indivisível / Avôhai / Neblina turva e brilhante / Em meu cérebro, coágulos de sol / Amanita matutina / E que transparente cortina / Ao meu redor / …